Nunca meditei: como faço?

imgHandler

Me dá um enorme prazer contribuir com alguém em seu início da caminhada na Meditação. Por isso existem muitas coisas a serem faladas. Mas vou fazer um artigo mais curto e combinamos de você me escrever caso tenha mais dúvidas, pode ser?

Pra começar, entenda que a Meditação é um treinamento. Quando vamos começar a treinar uma certa habilidade, como escalar, dançar tango, tiro ao alvo, cantar, ou qualquer outra coisa, o que acontece na primeira vez é que percebemos o quanto nos falta habilidade naquela atividade.

Não é diferente na Meditação: quando alguém medita pela primeira vez, ela percebe como sua mente é ativa, como os pensamentos são inúmeros. Aí ela pensa: nossa, isso não é pra mim: minha mente não para!

Sim, é pra você mesmo!!!

Na quinta aula de tango, você já decorou alguns passos. Só a sequência é que vai te mostrar o desenvolvimento.

Como na escalada, onde alguém não chega ao oitavo grau sem passar pelo sétimo, assim é a meditação: você precisa começar devagar.

Assim, veja minhas recomendações para um iniciante:

  1. Estabeleça um horário do dia em que você tenha mais probabilidade de estar disponível para meditar e coloque um lembrete no celular. Mas se não conseguir naquele momento, tudo bem, escolha outro mais conveniente. Não precisa ser muito rígido, experimente momentos diferentes.
  2. Para evitar que a mente fique tentando “fugir” durante a meditação, não comece a menos que você esteja tranquilo como sua agenda. Mas se tem alguma tarefa te esperando, “negocie” com sua mente estabelecendo que “6 minutos de meditação” não interferirão nas suas responsabilidades.
  3. No início é de grande ajuda ter um local que contribua para sua tranquilidade para Meditar. Deve ser limpo e arrumado. Usar os fones de ouvido nos faz sentir como “desligados” do mundo externo. Fechar a porta, apoio para a lombar, luz mais amena também ajudam.
  4. Procure uma posição confortável mas que favoreça o sono. No início é muito comum que as pessoas sintam muito sono ao praticarem a meditação. Se acontece com você, sugiro que não resista. Amanhã você conseguirá mais um pouco!
  5. O tempo de Meditação começa bem curto, podendo ser até mesmo um minuto. Aos poucos você se percebe ficando mais tempo. Você pode começar uma meditação guiada e para antes, sem problema.

O IMPORTANTE É NÃO DESISTIR. SEJA FIRME NO SEU OBJETIVO, MAS SEJA GENTIL CONTIGO. ISSO REALMENTE FUNCIONA!

Boas meditações =)

8 Comments

  1. Raquel | 17 de janeiro de 2017 at 16:16
     

    Um texto leve para ficarmos com a cabeça leve! Ótimo texto!

    Reply
    • Juliana Torres | 11 de abril de 2017 at 08:55
       

      Muito obrigada Raquel!
      Continue meditando!

      Reply
  2. Francine | 24 de fevereiro de 2017 at 13:37
     

    Bom dia.
    Muito claro seu texto, adorei e seguirei suas recomendações. Porém tenho uma dúvida. Enquanto medito, me incomoda o ato de engolir, parece uma quebra da tranquilidade e concentração, parece um movimento forçado que não consigo fazer com suavidade e também parece provocar um barulho muito alto dentro da minha mente. Por outro lado se tento evitar de engolir, começo a me sentir agoniada e minha concentração se volta completamente para isso. Você teria alguma dica de como fazer isso de maneira suave ou encorporar esse ato natural na minhas práticas de meditação? Muito obrigada.

    Reply
    • Juliana Torres | 11 de abril de 2017 at 08:55
       

      Oi Francine! Obrigada pelo seu contato e desculpe a demora.
      A meditação nos ensina a não impor resistência ás manifestações do nosso corpo, nossa mente, nosso eu enfim.
      O foco no ato de engolir pode ser uma fuga da sua mente, o que é muito comum.

      Minha dica é você engolir sempre que vier a vontade e aceitar o barulho como ele vier. Quando escuta-lo, agradeça por ter todo seu sistema mastigatório funcionando perfeitamente.
      Já viu aquelas pessoas que precisam se alimentar por sonda? Sinta gratidão pois você tem o privilégio de poder comer normalmente e sentir o sabor dos alimentos.

      Isso vai te ajudar e com o tempo sua mente não achará mais importância nisso.

      Continue meditando!

      Reply
  3. giovanna | 12 de julho de 2017 at 10:06
     

    Queria agradecer por esse App tão importante, que possibilita que uma grande técnica possa chegar a mais pessoas de forma simples e possível.
    Sigamos meditando, treinando nossa mente, e sendo mais felizes
    Gratidão

    Reply
    • Juliana Torres | 15 de fevereiro de 2018 at 12:13
       

      Muito obrigada, Giovana!! Continuo publicando no Insight Timer agora. Namastê!

      Reply
  4. Eliabe | 9 de setembro de 2017 at 02:55
     

    Ótimo texto! Me ajudou bastante.

    Mas tenho uma dúvida, tenho dificuldade em controlar minha raiva, e quando estou meditando, minha mente começa a pensar naquilo que provoca essa raiva, o que devo fazer?

    Obrigado!

    Reply
    • Juliana Torres | 15 de fevereiro de 2018 at 12:11
       

      Oi ELiane!
      Não resista!!! Observe sua raiva. Continue colocando-se na posição de observadora dela. Observe onde ela se manifesta em seu corpo e depois perceba que ela não toma conta de você por inteiro. É só uma parte de você que AINDA sente isso. Com a repetição, ela vai se tornando cada vez mais distante de você!
      Namastê!

      Reply

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *